Francis Alexandrino

Perfil

Francis Alexandrino, jornalista, iniciou a carreira em 1999, como repórter do jornal O Dia, atuando nas editorias Online, Caderno de Informática e cobertura geral da cidade do Rio de Janeiro. Também apresentava notícias sobre tecnologia na rádio MPB FM, do mesmo grupo.  Em 2001, foi para TVE do Rio como repórter de um dos programas da emissora. Integrou a equipe de jornalismo no ano seguinte e trabalhou nos dois principais telejornais da TVE, até 2006 - Notícias do Rio e Edição Nacional.

                      Ao vivo no jornal Notícias do Rio - TVE/RJ                                Programa institucional TJ/RJ

 
No mesmo período em que exercia as atividades na TVE, em 2002 e 2003, trabalhou como repórter dos telejornais da Rede Tv e, em 2005 e 2006, do programa Direito e Avesso - institucional do Tribunal de Justiça do Rio -, exibido na TV Record do Rio.  Após deixar a TVE, em 2006, participou interinamente do jornal de veiculação interna do Centro de Pesquisa da Petrobras (CENPES), como repórter e apresentador.

 
Jornal do Cenpes (ao vivo)


Em 2009, assumiu a funçào de repórter e apresentador efetivo da Tv da Camara Municipal do Rio de Janeiro.

 Em 2013, foi promovido a Coordenador de Jornalismo da Tv da Cãmara Municipal do Rio, cargo de chefia, em que permaneceu até junho de 2017.

Desde 2007, paralelamente, é jornalista responsável pela Chroma Audio e Vídeo, uma produtora de audiovisual no Rio de Janeiro, que atua nas áreas de jornalismo e entretenimento. Produziu e realizou reportagens para o programa Brasil Eleitor, STJ Repórter, OAB, entre outros trabalhos audiovisuais.

Trabalhos temporários:

Elaboração de vídeos institucionais para a Petrobras

Criação e edição da revista de comunicação interrna do grupo Manchester, Juiz de Fora e Nova Locadora.

Elaboração de vídeos institucionais e reportagens para o TSE, CNJ, STJ e OAB.

 Revisão de texto do Plano de Governo do candidato Carlos Osorio, do PSDB, à Prefeitura do Rio, em 2016,